Painel de Filtro dos Sonhos

R$ 480,00
. Comprar  
Filtro dos Sonhos produzido com 10 aros de madeira, nos tamanhos de 16cm, 20cm, 22cm e 25 cm, envoltos em fita cetim, nas cores de sua preferência, que pode ser: vermelho, laranja, amarelo, marrom, dourado, verde e variações de tons, azul e variações de tons, roxo,  violeta, rosa, branco ou preto.

Dentro dos aros, as teias, representando o corpo emocional, podem ser das mesmas cores dos aros ou de outras cores, conforme solicitado ou intuído.

Nas hastes contém peças em madeira e em bambu,  contas de açaí coloridas e algumas penas. 


A quantidade de hastes ou cordões, penas e contas sempre tem variações, conforme a personalização do produto.

As penas são naturais, de animais que vivem livres e coletadas após a sua troca natural, sem causar nenhum dano aos animais. 

Junto ao painel de filtros, acompanha um folheto explicativo personalizado, informando a simbologia de cada elemento utilizado para a produção e o que irá atuar no campo energético para seu dono.

Esse modelo em especial é ideal para decoração de festas e de ambientes. Pode ser usado também para decorar cabeceira de camas.

 



O filtro dos sonhos é usado como ornamentação do ambiente, mas, além disso, pode ser considerado como elemento terapêutico, para quem o observa e para quem o possui no seu ambiente de descanso. Pois ele tem o intuito de capturar as energias intrusas e negativas do ambiente, prendendo-as nos nós (entenda-se na teia) do filtro, deixando passar apenas as vibrações positivas. Essas energias presas nos nós se dissipam com os primeiros raios do sol.

Independente do modelo ou das cores utilizadas, sua principal função é de capturar as energias negativas do ambiente. Porém, cada elemento (madeira, bambu, metais, sementes, tipos de penas) utilizado na confecção, tem sua característica de proteção energética, bem como cada cor utilizada tem sua função terapêutica.

Desde 2005 produzindo filtros personalizados, invocando a energia para a pessoa a quem ele será destinado.
• Prazo para postagem:
Veja também